Tem que ter estômago que vai além do gore. São dois documentários, um eu assisti, o outro eu só tive coragem de ler sobre, e ambos não têm nada a ver com terror.

Standard Operating Procedure: Lembra daquelas fotos dos soldados americanos tocando o puteiro no presídio de Abu Graib? Pois. Agora os soldados explicam por que o fizeram. Tem das mais variadas desculpas, desde mágoa de miguxa até “mas eu não sabia o que fazer com as mãos”. No mais, aplica-se o título do filme. Para assistir em jejum.

A Life Without Pain: Documentário sobre três crianças que nasceram com uma disfunção genética, que faz com que elas não sintam dor. Não tive coragem de assistir porque é com criança e… bom, porque elas não sentem dor, então imagina o que elas fazem consigo mesmas. Para quem se interessar, tem uma matéria sobre isso na Super deste mês.