Hoje eu e o Mano completamos o primeiro dos oitocentos e dezessete anos que passaremos juntos.
BORA BRASIL BATER ESSE RECORDE!

(L)