A fase dois do Jogo da Vidaloka consiste em pegar um ônibus até o Largo 13, com o dinheiro da semana inteira dentro da bota, tentando desviar de uma ex-faxineira que carrega ressentimentos fortes por ter sido demitida (por você) por motivos de incompetência, e que por isso não te deixa atravessar o corredor para saltar.

E os comentaristas do gueto dizem: a vida é bataia.